Motores

Dani Sordo ‘puxa dos galões’ e lidera Rali Serras de Fafe

Fazendo jus ao seu estatuto mundialista e confirmando aquilo que já mostrara no ‘qualifiyng’ durante o ‘shakedown’ matinal, Dani Sordo assumiu as ‘rédeas’ do Rali Serras de Fafe no primeiro dia da prova.

O espanhol da Hyundai, que veio até ao norte do país fazer uma ‘perninha’ na prova inaugural do Campeonato de Portugal de Ralis, rapidamente se destacou da concorrência ao impor-se nas duas passagens pelo troço de Luílhas, disputadas na tarde desta sexta-feira.

Logo nesse primeiro ‘apertitivo’ Sordo deixou o seu adversário mais próximo, o vencedor da edição do ano passado, Ricardo Moura, a mais de 13 segundos. Depois, nas duas passagens pelos dois quilómetros super especial noturna de Fafe não arriscou e reforçou ligeiramente essa diferente para partir este sábado na frente do rali, com 18 segundos de vantagem sobre o açoriano.

Esperava-se que o piloto da Hyundai no WRC assumisse o comando, mas que talvez as diferenças não fossem tão expressivas, sendo que atrás de si Ricardo Moura e Ricardo Teodósio se envolveram num duelo para ser os melhores dos ‘outros’. Com o algarvio a arrancar para o segundo dia a somente segundo e meio do seu rival insular.

Mas a disputa das posições seguintes às do líder ainda está muito aberta, com Miguel Barbosa a surgir no quarto posto a menos de oito segundos do terceiro posto e com uma dúzia de segundos de diferença para Armindo Araújo, que terminou esta primeira jornada no quinto posto depois do seu companheiro de equipa Bruno Magalhães ter perdido dois segundos na última passagem pela ‘street stage’ de Fafe.

Os dois pilotos da Hyundai Motorsport já se encontram a mais de meio minuto do líder, tal como José Pedro Fontes, que concluiu esta primeira jornada na sétima posição à frente de Pedro Meireles e o ‘estreante’ Volkswagen Polo GTi R5, que só na derradeira especial do dia é que conseguiu conquistar uma posição ao chileno Alberto Heller.

Pedro Antunes mesmo na derradeira, embora o atual campeão nacional da categoria parte para o segundo dia com apenas cinco segundos o piloto de Torres Vedras, sendo que ambos são também os dois primeiros da Peugeot Rally Cup Ibérica. Com Paulo Neto a surgir no terceiro posto dos R2 já a quase meio minuto do líder das duas rodas motrizes.

Classificação após a 4ª PE

1º Dani Sordo/Carlos del Barrio (Hyundai) 21m58,2s

2º Ricardo Moura/António Costa (Skoda) + 18,1s

3º Ricardo Teodósio/José Teixeira (Skoda) + 19,6s

4º Miguel Barbosa/Paulo Babo (Skoda) + 27,4s

5º Bruno Magalhães/Hugo Magalhães (Hyundai) + 39,6s

6º Armindo Araújo/Luís Ramalho (Hyundai) + 39,6s

7º José Pedro Fontes/Inês Ponte (Citroën) + 41,2s

8º Pedro Meireles/Mário Castro (Volkswagen) + 59,0s

9º Alberto Heller/José Luis Diaz (Ford) + 1m01,1s

10º Alexander Villaneuva/Oscar Benavente (Skoda) + 1m07,7s

Mais partilhadas da semana

Subir