Nas Notícias

Cristas quer crescimento de quatro a cinco por cento até 2025

A presidente do CDS-PP, Assunção Cristas, defendeu hoje a redução da taxa de IRC em Portugal para 12,5 por cento no prazo de seis anos, no debate sobre o estado da nação, na Assembleia da República, em Lisboa.

“Se há quem olhe com desconfiança para países como a Irlanda, com uma taxa de IRC de 12,5 por cento, no CDS queremos ter a mesma taxa de 12,5 por cento da Irlanda dentro dos próximos seis anos. E queremos ver o país a crescer quatro e 5 por cento ao ano como a Irlanda”, disse Assunção Cristas.

A líder centrista tem defendido a baixa dos impostos sobre as empresas, mas não tinha ainda quantificado.

Em Portugal, as empresas pagam uma taxa nominal de IRC de 21 por cento.

101Shares

Mais partilhadas da semana

Subir