Mundo

Conselho de Segurança da ONU aprova cessar-fogo de 30 dias na Síria

Os 15 membros do Conselho de Segurança da ONU aprovaram este sábado, por unanimidade, uma resolução que prevê um cessar-fogo humanitário de um mês na Síria.

Duas horas mais tarde e após intensas negociações, os membros do Conselho de Segurança da ONU aprovaram este sábado uma trégua humanitária de 30 dias na Síria, de forma a permitir a retirada de doentes e feridos e o acesso a Ghouta Oriental, o último grande bastião da oposição síria nos arredores de Damasco.

Proposto pelo Kuwait e pela Suécia, o projeto de resolução foi pedido por todas as organizações da ONU no terreno a 6 de fevereiro, de forma a ajudar as cerca de 400 mil pessoas que vivem em Ghouta Oriental.

Desde o passado domingo que Ghouta Oriental tem sido alvo de intensos bombardeamentos, com o número de vítimas mortais a ultrapassar os 500.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, afirmou na passada quarta-feira que a população daquela região “vive o inferno na terra”.

As negociações sobre a resolução alcançada hoje duravam há mais de 15 dias.

1Shares

Mais partilhadas da semana

Subir