Mundo

Como é que os chineses celebram o ‘dia dos solteiros’? Fazem compras online

alibaba compras Largos milhões de chineses celebraram ontem o ‘dia dos solteiros’, que desde a década de 90 se assinala na China. E como o celebraram? Fizeram compras na Internet, alimentando o vício consumista desta faixa etária. O Alibaba, maior portal de vendas da China, atingiu a fasquia dos 7,4 mil milhões de euros.

Os solteiros chineses assinalaram ontem o seu dia e, para o efeito, nada melhor do que fazer compras online – o método preferido de comprar, num dia que serve para alimentar o vício de consumo.

O ‘dia dos solteiros é celebrado desde a década de 90, sempre no dia 11 de novembro, e foi criado por um grupo de estudantes universitários. A data não foi escolhida em vão: 11 de novembro escreve-se com quatro ‘um’.

Quem agradece a celebração são os comerciantes da China, que veem as vendas crescerem em catadupa. Desde 2011 – nesse ano, o dia dos solteiros foi assinalado a 11-11-11 – o negócio floreste, neste 11.º dia do mês.

Segundo dados da imprensa chinesa, citados pela agência Lusa, o Alibaba (o maior portal de vendas do mundo) já tinha atingido a fasquia dos mil milhões de yuan de vendas – o que corresponde a 130 milhões de euros – ao final da manhã.

Ontem à noite, esse número foi amplamente superado no final do dia dos solteiros, com vendas de… 7,4 mil milhões de euros, ou 57,1 mil milhões de yuan. Em comparação com o ano passado, o valor mais do que duplicou. E triplicou, comparando com 2012.

Cerca de um terço das compras foram feitas através de smartphones, sobretudo, segundo informações do Alibaba.

Este portal está cotado na Bolsa de Nova Iorque e tornou-se numa espécie de ponto de passagem obrigatório para os chineses, em dia dos solteiros.

Refira-se que o homem mais rico da China é precisamente Jack Ma, o presidente do grupo Alibaba, que aos 50 anos de idade tem uma fortuna estimada em 19 mil milhões de euros. E vivam os solteiros, dirá.

Em destaque

Subir