Cultura

Cegos já podem ‘ver’ a Mona Lisa e outros quadros (vídeo)

A impressão a três dimensões (3D) veio resolver um problema tão antigo como a pintura: esta arte não é acessível para os invisuais. Um finlandês lançou um projeto para imprimir a Mona Lisa e outras obras de arte.

Quando Portugal tem, pela primeira vez, uma invisual no Governo chega uma notícia que nos mantém o foco no problema das acessibilidades.

Marc Dillon, um artista de Helsínquia, na Finlândia, quer que as grandes obras da pintura clássica, como a Mona Lisa de Leonardo Da Vinci, possam ser apreciadas por todos, inclusive por invisuais.

O projeto ‘A arte nunca vista’ tem por base os avanços na tecnologia de impressão a 3D.

“Imaginem o que é não saber como é o sorriso da Monda Lisa, ou como são as flores do Van Gogh. Imaginem as pessoas à vossa volta a comentarem a beleza de quadros que vocês sabem que existem, mas nunca puderam observar”, adiantou Marc Dillon.

Na apresentação do projeto na IndieGoGo, uma plataforma de crowdfunding, o finlandês recordou o caso marcante em que a impressão 3D permitiu a uma jovem mãe, invisual, ‘ver’ o ultrassom da filha que carregava no útero.

“O recurso a uma impressão 3D em areia permite recrear estas obras de arte com a escala e qualidade equivalentes a peças que estão expostas em museus”, realçou Marc Dillon.

https://www.youtube.com/watch?v=mWYr5pplWXY

Mais partilhadas da semana

Subir