Nacional

‘Casados à Primeira Vista’ investigado por suspeita de ter falso neuropsicólogo

A Ordem dos Psicólogos está a investigar o caso de um “Mestre em Neuropsicologia Clínica” que participa no programa ‘Casados à Primeira Vista’, da SIC. De acordo com o Correio da Manhã, Alexandre Machado, um alegado neuropsicólogo, não passa de um psicólogo estagiário.

O controverso programa da SIC ‘Casados à Primeira Vista’ está no centro de uma nova polémica, relacionada com uma alegada usurpação de funções.

Segundo avança o Correio da Manhã, a Ordem dos Psicólogos está a investigar Alexandre Machado, um “psicólogo estagiário” que se apresenta como neuropsicólogo.

Alexandre Machado, inscrito na Ordem como estagiário, faz parte da equipa de profissionais de saúde que integram o programa apresentado por Diana Chaves.

A produção tem uma versão diferente e sustenta que aquele psicólogo tem habilitações para as funções que desempenha.

Na apresentação deste profissional, a SIC garante que Alexandre Machado é “um psicólogo clínico especialista na área da avaliação e diagnóstico”.

Destaca ainda que tem “experiência em operações psicológicas militares” e vastas distinções na carreira.

“A experiência em operações psicológicas militares, análise e previsão comportamental e negociação e resolução de conflitos, valeram-lhe em 2012 a ‘American Flying Flag Honor’ pelo o apoio prestado durante a operação ‘enduring freedom’ no Afeganistão”, pode ler-se, na página de ‘Casados à Primeira Vista’.

A SIC apresenta-o ainda como “doutorando em Ciências da Cognição e Linguagem” e “Mestre em Neuropsicologia Clínica”.

‘Casados à Primeira Vista’ consiste num reality-show em que os concorrentes casam com uma pessoa que não conhecem e com quem nunca se cruzaram.

O formato do programa é por si só controverso, condição que se adensa com a habilitação daquele profissional de saúde.

Esta não é, refira-se, a primeira vez que reality-shows da SIC geram polémica. Recentemente, ‘SuperNanny’ foi alvo de críticas, precisamente por psicólogos, num fenómeno que ganhou eco nas redes sociais.

Mais partilhadas da semana

Subir