Nacional

Capazes defendem Carolina da “plebe”

Uma cronista da Capazes ressuscitou uma polémica envolvendo Carolina Patrocínio. Ana Manuel Ferreira atirou-se à “plebe” que questionou a apresentadora por continuar a fazer exercício físico durante a gravidez e “por não parecer um cadáver” após o parto da terceira filha.

A crónica começa com considerações bem pessoais, ao ponto da autora recordar que, quando esteve grávida, deixou “de ver a ‘amiga lá de baixo’, por isso, a depilação foi deixada para segundo plano”.

“Ter tempo para tomar banho e lavar os dentes no intervalo entre mamadas é a minha pequena luta diária”, reforçou.

A experiência pessoal da autora serviu-lhe para contextualizar a defesa de Carolina Patrocínio, que diariamente leva com “palpitadores”.

“Cada vez que ela engravida chovem opiniões e comentários um pouco por toda a parte”, reforçou a cronista da Capazes.

Contextualizados os casos, Ana Manuel Ferreira atirou-se à “plebe” que se “atreve” a criticar Carolina Patrocínio.

“A plebe apressou-se a exigir que enforcassem a bruxa má, que cometia o crime de continuar a fazer exercício físico e de ter abdominais definidos enquanto estava grávida”, salientou.

Uma “plebe” que continuou “atenta” passada a gravidez, continuou a cronista.

“A Carolina cometeu um novo crime! Nas primeiras fotografias depois do parto, com a sua bebé nos braços, não parecia um cadáver nem um peixe balão. Apareceu com maquilhagem, brincos, e um sorriso maravilhoso e tranquilo”.

“E que tal se cada um se meter na sua vidinha e deixarmos todos de julgar as mulheres pela sua aparência? Isso sim, já cheira a mofo e é cansativo à brava”, concluiu a cronista da Capazes: “Até porque acredito que, se a Carolina tivesse divulgado uma foto com cara de cadáver, existiria quem a criticasse por ser desmazelada”.

Saliente-se que, uma semana após a gravidez, Carolina Patrocínio já estava de volta aos treinos. Veja o vídeo.


Mais partilhadas da semana

Subir