Nas Notícias

Calamidade e contingência em Lisboa e Vale do Tejo, resto do país em alerta

O Governo manteve o estado de calamidade em 19 freguesias de Lisboa e Vale do Tejo, com o resto da região a passar para o estado de contingência e o resto do país para situação de alerta.

Em Lisboa e Vale do Tejo, os estabelecimentos comerciais passam a encerrar às 20h00.

São aplicadas exceções a restaurantes, supermercados e hipermercados, serviços de abastecimento de combustível, farmácias, funerárias, equipamentos desportivos e clínicas, consultórios e veterinários.

A generalidade do país passa para situação de alerta às 00h00 de 01 de julho, o que “não significa retomar a normalidade pré-covid”, como salientou António Costa.

0Shares

Em destaque

Subir