Desporto

Bruno Lage antecipa “problemas” do Benfica diante do Rio Ave

O treinador do Benfica, Bruno Lage, previu hoje um duelo complicado contra o Rio Ave, esta terça-feira, em jogo dos quartos de final da Taça de Portugal de futebol, e não poupou elogios ao seu homólogo, Carlos Carvalhal.

“Quase nem vale a pena falar da equipa técnica: um grande treinador, com dois excelentes adjuntos. Temos de estar no nosso melhor frente a uma equipa que está a fazer um campeonato muito bom, uma Taça da Liga e uma Taça de Portugal a chegar às fases de decisão. O Rio Ave é uma equipa competente, que vai criar problemas e vai querer seguir em frente”, afirmou.

Na conferência de imprensa realizada no centro de estágio dos ‘encarnados’, no Seixal, o técnico, de 43 anos, reconheceu também que o pouco tempo de recuperação entre esta partida e o dérbi de sexta-feira com o Sporting, para a 17.ª jornada da I Liga, merece alguma reflexão, uma vez que a equipa não vai ter 72 horas completas de repouso.

“É uma matemática mal feita e é algo que temos de levar em consideração, até porque o ‘mister’ Carlos Carvalhal é ‘expert’ na forma de recuperar e jogar de três em três dias. Aprendi muito com ele nesse aspeto pela experiência que vivemos em Inglaterra. Há que levar em consideração, mas também temos de ter em consideração que é um jogo e temos de vencer para prosseguir na Taça. Vamos decidir qual é o melhor onze para o jogo”, frisou.

Apesar de sublinhar que o Benfica está habituado a jogar de três em três dias, Bruno Lage vincou ainda a determinação de dar uma “resposta firme” em campo, independentemente do tempo de recuperação.

Sobre os jogadores disponíveis para o encontro, o técnico anunciou que o extremo Rafa está de volta aos convocados, após longa paragem por lesão, e que Gedson não treinou, num momento em que parece iminente a saída para o futebol inglês.

Paralelamente, o treinador do Benfica relativizou a indefinição sobre o futuro de Carlos Carvalhal no Rio Ave – cuja continuidade já foi colocada em causa pelo próprio, após o afastamento dos vila-condenses da Taça da Liga -, ao defender que essas questões não perturbam os jogadores na antecâmara de um embate com o Benfica.

“Estas questões passam ao lado dos jogadores. Por aquilo que conheço do ‘mister’, também lhe passa ao lado. Várias vezes foi abordado em Inglaterra e nunca perdeu o foco de vencer o jogo seguinte. São situações que estão a decorrer, mas acredito que nada lhes retire o foco de vencer amanhã. A nós compete-nos estar focados no que poderá ser o onze e a estratégia do adversário e prepararmo-nos para vencer o jogo”, concluiu.

O desafio entre o Benfica e o Rio Ave, referente aos quartos de final da Taça de Portugal, está marcado para esta terça-feira, às 21:15, no Estádio da Luz.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir