Desporto

Bruno Fernandes oficializado no Sporting

Bruno Fernandes oficializado no Sporting, num regresso ao clube que representou na última época e do qual tinha rescindido contrato na sequência do ataque à Academia de Alcochete. Num comunicado enviado à CMVM, os leões confirmam agora o regresso do médio.

A SAD verde e branca informa o mercado que ambas as partes “acordaram em celebrar, na presente data, um novo contrato de trabalho desportivo, válido por cinco épocas desportivas”.

Na apresentação do jogador, Sousa Cintra mostrou-se “orgulhoso” por estar a apresentar “o melhor jogador de Portugal”.

“De todos aqueles que saíram era aquele que o Sporting queria”, salientou o líder do clube, explicando que é um “fora de série” e uma pessoa “sensacional” e que quis voltar.

“É fantástico e ele tem aqui um amigo para a vida. O comportamento e o exemplo que ele está a dar tem que ser mencionado”, sustentou Sousa Cintra, explicando que Bruno Fernandes “não quis ser aumentado”.

“Os sportinguistas podem estar muito gratos ao Bruno Fernandes. É um grande homem, um grande jogador, um grande senhor, um grande líder.”

O internacional português tem uma cláusula de rescisão no valor de 100 milhões de euros e mostrou-se “feliz” pelo regresso.

“Sempre foi uma honra estar aqui e vai continuar a ser. Vim para o projeto do Sporting para conquistar títulos, crescer como jogador. Posso prometer aos sportinguistas é mais do mesmo: muita entrega, muita garra, muita luta. A minha atitude continuará a mesma. Estarei sempre disponível.”

Aos jornalistas, Bruno Fernandes referiu que já falou com José Peseiro e deixou elogios ao técnico.

Questionado sobre o que mudou entre a altura em que apresentou a carta de rescisão e agora que é reforço do clube, Bruno Fernandes lembra a questão da segurança e diz que Sousa Cintra lhe garantiu que “estão a trabalhar com máxima segurança”.

Quanto ao resto, Bruno Fernandes desvalorizou.

“Não recebi qualquer garantia nem estou preocupado com isso, independentemente de quem vier para ser presidente do Sporting.”

O atleta salientou ainda que teve propostas mas preferiu permanecer em Alvalade.

“Quero sair pela porta grande. Não é por falta de clubes que eu volto ao Sporting. Tinha clubes que estavam disponíveis para pagar a cláusula no caso de eu perder a causa.”

Bruno Fernandes, recorde-se, foi um dos nove atletas a rescindir contrato com os leões na sequência do ataque à Academia de Alcochete, a 15 de maio.

Ao serviço da turma de Alvalade, Bruno Fernandes marcou 16 golos em 56 jogos.

O médio foi, de resto, eleito o melhor jogador do campeonato na época 2017/18.

69Shares

Mais partilhadas da semana

Subir