Nas Notícias

Bolsas europeias em alta à espera do índice de confiança na Alemanha e na zona euro

As principais bolsas europeias estavam hoje em alta, pendentes do índice de confiança na Alemanha e na zona euro.

Cerca das 08:45 em Lisboa, o EuroStoxx 600 avançava 0,11 por cento para 405,80 pontos.

As bolsas de Londres, Paris e Frankfurt subiam 0,29 por cento, 0,09 por cento e 0,28 por cento, bem como as de Madrid e Milão, que subiam 0,20 por cento e 0,35 por cento, respetivamente.

Depois de ter aberto em baixa, a bolsa de Lisboa invertia a tendência, estando cerca das 08:45 o principal índice, o PSI20, a valorizar-se 0,25 por cento para 5.307,64 pontos.

Além do índice de confiança, os mercados vão estar pendentes das tensões em Hong Kong e atentos à comparência do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em Nova Iorque, na qual poderia comentar o estado das negociações entre Washington e Pequim.

Entretanto em Espanha, o panorama político ainda é mais incerto, já que as opções do Governo espanhol são mais complicadas, referem observadores citados pela Efe.

Apesar do PSOE (socialistas) se ter posicionado como a primeira força política de Espanha com 120 deputados (seguido do PP, com 88, e do VOX, com 12 deputados), não há um claro vencedor com a maioria absoluta necessária para formar Governo, adiantam os operadores.

O resultado está mais fragmentado que nas eleições anteriores e desenha um cenário mais complexo para alcançar acordos ou apoios que permitam formar um Governo estável, precisam os operadores.

Na segunda-feira, a bolsa de Nova Iorque terminou com o Dow Jones a subir 0,04 por cento para 27.691,49 pontos, um novo máximo desde que foi criado em 1896.

Em sentido contrário, o Nasdaq fechou a recuar 0,13 por cento para 8.464,28 pontos, contra o atual máximo de 8.475,31 pontos, verificado em 09 de novembro.

A nível cambial, o euro abriu hoje a descer no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,1025 dólares, contra 1,1039 dólares na segunda-feira.

O barril de petróleo Brent para entrega em janeiro de 2020 também abriu hoje em baixa, a cotar-se a 62,11 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, contra 62,18 dólares na segunda-feira.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir