Economia

Bolsa de Nova Iorque negoceia em alta depois de eleições intercalares no país

As bolsas em Nova Iorque estão hoje a negociar em alta, com os investidores a reagirem positivamente ao resultado das eleições intercalares nos Estados Unidos e a acompanharem as praças europeias.

Pelas 14:50 (hora de Lisboa), o índice Dow Jones Industrial subia 0,75 por cento para 25.635,01 pontos, enquanto o Standard & Poor’s valorizava-se 0,63 por cento para 2.755,45 pontos.

No mesmo sentido, seguia o índice Tecnológico Nasdaq a ganhar 0,64 por cento para 7.375,96 pontos.

Os analistas consideraram que os resultados eleitorais saíram “em linha com o esperado”, com os democratas a ganharam o domínio da Câmara dos Representantes e o os republicanos, liderados pelo presidente norte-americano, Donald Trump, a ganharam o domínio sobre o Senado.

“Este era o cenário esperado, levando as bolsas a reagirem em alta. Mas, no entanto, não é o cenário que mais sustenta uma valorização dos mercados”, disse a Senior Broker da corretora XTB, Carla Maia Santos, advertindo para o facto de os democratas poderem “ser um entrave à agenda de Trump”, nomeadamente no que concerne a uma nova ronda de cortes nos impostos, o que “impulsionou no passado as bolsas”.

Contudo, afirmou também que “pode haver um consenso” em aumentar as despesas em infraestruturas, dinamizando alguns setores da atividade económica norte-americana.

Após as eleições intercalares, os investidores voltam-se agora “a focar-se no desempenho das empresas e nas políticas monetárias da Reserva Federal (Fed)”, salientou Carla Santos.

O mercado de Wall Street fechou em alta na quarta-feira, com o índice Dow Jones Industrial a subir 0,75 por cento, o Standard & Poor’s a valorizar-se 0,63 por cento e o Nasdaq a ganhar 0,64 por cento, face ao dia anterior.

Mais partilhadas da semana

Subir