Economia

Bolsa de Lisboa encerra no vermelho em linha com principais praças europeias

A bolsa de Lisboa fechou a sessão de hoje em terreno negativo, com o seu principal índice, o PSI20, a cair 0,9 por cento para 5.172,77 pontos, em linha com as principais praças europeias.

Das 18 cotadas que integram o PSI20, duas subiram, 14 desceram e duas ficaram inalteradas.

Os títulos CTT – Correios Portugal lideraram as descidas e perderam 4,52 por cento, para 3 euros, seguidos da EDP Renováveis com uma queda de 1,96 por cento, para 10 euros, e da EDP – Energias de Portugal que recuou 1,86 por cento, para 3,65 euros.

Ainda com descidas superiores a 1 por cento ficaram a Ramada, que caiu 1,63 por cento para 6,02 euros, a Mota-Engil com menos 1,25 por cento para 2,05 euros, a Semapa que recuou 1,14 por cento para 13,88 euros e o BCP, com uma redução de 1,03 por cento para 0,20 euros.

Já a Navigator desceu 0,96 por cento para 3,51 euros, enquanto a Jerónimo Martins recuou 0,72 por cento para 14,58 euros. Com descidas menores ficaram a Altri (5,78 euros), a Sonae Capital (0,81 euros), a NOS (5,05 euros), a Galp Energia (15,09 euros) e a Sonae SGPS (0,91 euros).

Nos ganhos, a Pharol liderou as subidas com um avanço de 3,28 por cento para 0,11 euros, seguida da Corticeira Amorim que subiu 0,19 por cento para 10,62 euros.

A Ibersol e a REN – Redes Energéticas Nacionais ficaram inalteradas nos 7,34 euros e 2,73 euros, respetivamente.

No resto da Europa, Londres cedeu 0,33 por cento, Paris 0,22 por cento, Frankfurt 0,16 por cento e Madrid 0,12 por cento.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir