Mundo

Bolívia expulsa embaixadora do México e dois diplomatas espanhóis

O Governo interino da Bolívia declarou hoje a embaixadora do México Maria Teresa Mercado e os diplomatas espanhóis Cristina Borreguero e Álvaro Fernández como ‘personas non gratas’, dando-lhes 72 horas para deixarem o país.

“Este grupo de representantes dos governos do México e de Espanha prejudicaram gravemente a soberania do povo e do Governo constitucional da Bolívia”, afirmou a Presidente interina do país, Jeanine Áñez, numa comunicação feita hoje a partir do Palácio do Governo de la Paz.

Os três diplomatas foram acusados de tentar ajudar ex-membros do Governo do Presidente deposto, Evo Morales, a sair da residência da embaixadora do México, onde estão desde a renúncia de Morales, em novembro, e a deixar o país.

0Shares

Em destaque

Subir