Motores

Beirão da Veiga e Félix da Costa sétimos no GT Open

Lourenço Beirão da Veiga e António Félix da Costa foram a melhor equipa portuguesa na primeira corrida da temporada do International GT Open, que se disputou este sábado no Autódromo do Estoril. A dupla, que se estreou aos comandos de um BMW M6 GT3 da Teo Martin, terminou à frente de Miguel Ramos, que pela primeira vez dividiu um Ferrari 488 GT3 da Spirit of Race com o dinamarquês Mikkel Mac.

À partida para este conforto, Miguel Ramos até era o piloto luso melhor colocado, já que largava de 12º, enquanto Beirão da Veiga o fazia duas posições abaixo, só que o piloto de Gaia não arrancou bem e perdeu dois lugares na largada.

Ramos conseguia depois recuperar terreno, mas Beirão da Veiga também, mas nenhum dos dois conseguiu chegar ao top dez antes das obrigatórias paragens nas boxes para trocar de piloto.

Nos restantes 35 minutos da corrida Félix da Costa conseguiu progredir na classificação, e conseguiria entrar no top dez antes de cortar a meta na sétima posição, mesmo à frente de Mikkel Mac Jensen.

Já Filipe Barreiros e Francisco Guedes conseguiram chegar ao terceiro lugar da categoria AM no segundo BMW M6 GT3 da Teo Martin Motorsport, terminando duas posições à frente de António Coimbra e Luís Silva, no Mercedes AMG GT3 da Sports & You.

A corrida foi ganha por Phillip Frommenwiller e Albert Costa, que deram ao Lexus RCF GT3 a sua primeira vitória em competições GT na Europa.

 

2Shares

Mais partilhadas da semana

Subir