Motores

Andy Priaulx reforça marca chinesa no WTCR

Andy Priaulx vai regressar à competição mundial de carros de turismo. O britânico, que competiu no passado no WTCC, vai disputar o WTCR em 2019 aos comandos de um dos carros da Lynk & Co Cyan Racing.

Priaulx junta-se assim ao tetracampeão do Mundo Yvan Muller e ao Campeão do Mundo de 2017 Thed Bjork. Um regresso que acontece nove anos depois do piloto da ilha de Guernsey ter competido pela última vez no WTCC aos comandos de um BMW 320i E90.

Na última década o britânico tem competido no Campeonato do Mundo de Resistência, primeiro pela marca de Munique e depois pela Ford, tripulando um dos GTE da marca da oval no WEC e no campeonato IMSA.

Agora, aos 44 anos, Priaulx vai tripular um dos novos Lynk & Co 03 TCR, preparados pela Cyan Racing, anteriormente responsável por fazer alinhar os Volvo S60 no WTCC. O contrato contrato com a marca chinesa é válido por várias épocas.

“Estou radiante por me tornar um piloto da Lynk & Co Cyan Racing, e não tive dúvidas de que iríamos estar numa posição forte para lutar pelo título logo no nosso primeiro ano. Temos um duro trabalho à nossa frente. A competição é mais forte do que nunca foi no WTCR, mas segui o processo da Cyan Racing ao longo dos anos e foi uma decisão fácil juntar-me a eles em 2019”, declarou o britânico.

6Shares

Mais partilhadas da semana

Subir