Ásia

André Pires parte em 21.º no Grande Prémio de Motos de Macau

O piloto português André Pires vai largar do 21.º lugar da grelha de partida para o Grande Prémio de Motos de Macau, que decorre no sábado.

O jovem de Vila Pouca de Aguiar terminou hoje a 2.ª corrida de qualificação em 2.33,841 minutos, 9,937 segundos depois do vencedor, o britânico Peter Hickman, que ficou em segundo lugar na prova do ano passado.

O veterano Michael Rutter e o Martin Jessopp, também britânicos, garantiram o segundo e terceiro lugares na qualificação.

No ano passado, André Pires abandonou a prova devido a uma avaria no motor.

De fora ficou Raul Torras, piloto espanhol que se despistou na quinta-feira, durante os treinos. O estreante em Macau caiu na curva ‘Mandarim Oriental’, uma das zonas mais rápidas do circuito citadino do território.

Em comunicado, a sua equipa afirmou que o piloto não sofreu fraturas e aparenta estar livre de perigo.

Disputado no icónico traçado citadino de 6,12 quilómetros, O Grande Prémio é o maior evento desportivo organizado na Região Administrativa Especial chinesa e uma das mais antigas provas automobilísticas em todo o mundo.

Mais partilhadas da semana

Subir