Nas Notícias

Ações da Benfica SAD fecham a subir 70 por cento para 4,70 euros após anúncio de OPA

As ações da Benfica SAD fecharam hoje a valorizar 70,29 por cento, para os 4,70 euros, um dia depois da Sport Lisboa e Benfica SGPS ter lançado uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) sobre 28,067 por cento do capital da SAD.

Na sessão de hoje foram transacionadas quase 237 mil ações da Benfica SAD, número que supera a média diária de 5,7 mil títulos, segundo o ‘site’ da Euronext Lisboa.

Na segunda-feira, as ações da Benfica SAD fecharam a sessão nos 2,76 euros.

Segundo o anúncio preliminar de lançamento desta OPA, enviado na segunda-feira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a oferta visa a aquisição de 6.455.434 ações de categoria B, ao preço de cinco euros por ação, representativas de 28,067 por cento da Benfica SAD.

Na mesma informação enviada ao mercado é referido que o preço de cinco euros por ação visa assegurar que os acionistas que adquiriram ações em 2001, aquando da entrada das ações em bolsa, possam vendê-las nesta OPA a um valor nominal semelhante ao então verificado.

O valor máximo da oferta é de 32,28 milhões de euros, segundo adianta a informação enviada ao mercado.

O capital da Benfica SAD é composto por 23 milhões de ações, sendo 9,2 milhões de categoria A e 13,8 milhões de categoria B, e é sobre estas últimas que a OPA incide.

De acordo com o anúncio preliminar enviado ao mercado, a SLB SGPS detém 9,2 milhões ações de categoria A, correspondentes a 40 por cento do capital social da SAD do Benfica, sendo ainda titular de 5,4 milhões de ações da categoria B, representativas de 23,6496 por cento do capital da SAD do Benfica.

No total, “a percentagem de direitos de voto [na Benfica SAD] concretamente imputável ao Sport Lisboa e Benfica diretamente ou nos termos do número 1 do artigo 20.º do Código dos Valores Mobiliários é de 66,9329 por cento”, correspondente a 15,39 milhões de ações.

No prospeto da OPA, a SLB SGPS refere ser sua intenção “dar continuidade à atividade empresarial da sociedade visada, enquanto sociedade aberta ao investimento do público sob domínio exclusivo do SLB e com as ações representativas do seu capital social admitidas à negociação do mercado regulamentado Euronext Lisboa”.

A oferente adianta que “não irá requerer a perda da qualidade e sociedade aberta” da Benfica SAD.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir