Educação

Abandono escolar atinge “mínimo histórico” em 2018

O abandono escolar atingiu, no ano passado, o valor mais baixo de sempre, tendo descido de 12,6 por cento em 2017 para 11,8 por cento, segundo dados divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

Em 2011, mais de um em cada cinco jovens abandonavam a escola antes de terminar os estudos (23 por cento), segundo os dados disponibilizados pelo INE. Em sete anos verificou-se uma redução de mais de dez pontos percentuais.

Em comunicado enviado à agência Lusa, o Ministério da Educação congratula-se com este valor, referindo que foi alcançado um “mínimo histórico”, mas sublinhando que o trabalho do ministério não estará acabado “enquanto houver jovens que abandonam a escolaridade obrigatória”.

Mais partilhadas da semana

Subir