Desporto

Vídeo: “Não me deixaram competir”

Terceiro classificado nos Mundiais de atletismo, Nelson Évora explica os motivos para ‘só’ ter alcançado a medalha de bronze, numa crítica subtil às organizações das principais provas de atletismo. “Não me deixaram competir”, frisou o olímpico português.

“Sinto-me muito feliz, sem dúvida, com este terceiro lugar, depois de uma época em que não me deixaram competir nos principais meetings da Liga Diamante, só em alguns”, começou por responder.

“Senti algumas dificuldades para estar aqui no meu melhor, mas tive a sorte um pouco do meu lado, mas sabia que conseguia fazer bastante mais”, afirmou Nelson Évora.

“Esperava isto e até um pouco mais”, reforçou: “Mas, como já disse, a falta de ritmo não me permitiu isso. Tenho muito menos provas do que a maior parte dos meus adversários e conseguiu fazer o que fiz, por isso estou satisfeito”.

Criada pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF), a Liga Diamante é um circuito de provas de elite que não funciona por qualificação direta, mas por convite das organizações de cada evento.


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir
error: