Mundo

Vídeo: Mulher salva criança de morrer esmagada em atropelamento

Uma mulher atirou-se para a frente de um carro para tentar evitar o atropelamento de um rapaz. Shanta Jordan não conseguiu evitar que o menino e o irmão fossem atingidos, mas o heroísmo foi decisivo para que o menino não fosse esmagado contra a parede. As imagens podem ferir a sensibilidade de alguns leitores.

A mulher, que se encontra a recuperar no hospital, foi já convidada pela polícia de Bridgeport, no estado do Connecticut (EUA), a comparecer numa cerimónia para ser homenageada.

“Quero agradecer pessoalmente a essa pessoa. Acredito que, se não fosse ela, teria havido uma fatalidade”, comenta o chefe da polícia de Bridgeport, A. J. Perez.

O incidente ocorreu ao lado de um restaurante, quando um carro em grande velocidade embateu violentamente em Shanta Jordan e em dois meninos, com a mulher e um dos rapazes a serem projetados contra a parede.

A criança que a mulher tentou proteger teve de ser operada, horas mais tarde, para evitar a amputação de uma perna.

Shanta Jordan não conseguiu desviar as crianças do carro, mas ao atirar-se para a frente do carro sacrificou-se num efeito de amortecimento que terá salvo a vida dos meninos.

As imagens podem ferir a sensibilidade de alguns leitores.


Mais partilhadas da semana

Subir