Cinema

Vídeo: Meryl Streep critica Trump nos Globos de Ouro

Meryl Streep, atriz norte-americana, foi a grande vencedora da noite dos Globos de Ouro, após ter sido distinguida com o prémio carreira Cecil B DeMille.

Quando estava a fazer o seu discurso de vitória, as atenções ficaram voltadas para Donald Trump, o presidente eleito dos Estados Unidos.

“Hollywood está cheia de forasteiros e estrangeiros e se nos pontapear todos para fora não terá nada para assistir, apenas futebol e UFA, que não são arte”, afirmou Meryl Streep, relembrando o episódio em que Trump brincou publicamente com o jornalista Serge Kovaleski, do New York Times, devido à sua condição física.

“Isso partiu o meu coração e eu não consegui recuperar-me porque não era um filme, era a vida real. Esse instinto de humilhar quando vem de alguém desta plataforma pública afeta a vida de todos, pois dá permissão a que outros o façam. O desrespeito convida o desrespeito, a violência incita a violência. Quando os poderosos usam a sua posição para intimidar os outros todos nós perdemos”.

Trump ao ver-se confrontado com o discurso da atriz apenas limitou-se a dizer que não tinha visto a cerimónia dos Globos de Ouro e que não ficou surpreendido que as “pessoas liberais do cinema” o tenham atacado.


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir