Sociedade

Tiro da GNR faz um morto em Fânzeres após perseguição a três homens

gnrHomem de 20 anos morre após um tiro disparado por um militar da GNR, em Fânzeres, concelho de Gondomar. Foi o culminar de uma fuga levada a cabo por três indivíduos, entre os quais a vítima, que seguiam num veículo desde São Pedro da Cova.

Um tiro de um militar da Guarda Nacional Republicana (GNR) provocou um morto, na manhã desta segunda-feira, em Fânzeres, Gondomar. A patrulha levava a cabo uma perseguição de um veículo onde seguiam mais dois passageiros, além da vítima mortal.

O homem atingido fatalmente tinha 20 anos. Segundo o Jornal de Notícias, a perseguição da GNR começara em São Pedro da Cova, sendo que os indivíduos que seguiam no veículo desobedeceram a ordens daquela força de segurança e terão tentado atropelar um militar.

Ao longo desta perseguição, na manhã desta segunda-feira, outro veículo que estava estacionado foi abalroado, sendo que apenas depois do tiro os agentes da GNR conseguiram travar a fuga dos três indivíduos.

Não se sabe as motivações desta fuga. As primeiras informações indicavam que a vítima mortal era menor de idade. No entanto, mais tarde verificou-se que o homem tinha 20 anos e residência em Rebordosa.

Mais partilhadas da semana

Subir