Tecnologia

Steve Jobs (1955-2011): Faleceu um dos responsáveis pelo mundo tecnológico que conhecemos

steve_jobs_1O homem que transformou a Apple numa das marcas mais respeitadas e reconhecidas de sempre faleceu esta quarta-feira, aos 56 anos, apenas um dia depois do grande evento de lançamento do iPhone 4S. Jobs lutava contra um cancro no pâncreas.

O mundo da tecnologia está de luto. Steve Jobs morreu esta quarta feira, vítima de um cancro no pâncreas. O ex-CEO da Apple havia deixado o cargo no passado mês de agosto devido precisamente aos problemas com a doença.

Na madrugada desta quinta feira, a notícia foi avançada pela própria Apple, que tinha uma fotografia do mais importante profissional da companhia na sua página principal, em www.apple.com.

Steve Jobs nasceu a 24 de fevereiro de 1955. Filho de mãe americana e de pai sírio, Jobs foi e é considerado o maior obreiro para o sucesso da Apple, empresa que fundou, juntamente com Steve Wozniak, em 1976. Após o lançamento de dois computadores (Apple I e Apple II), viria a abandonar a companhia, em 1985. Pouco tempo depois foi o fundador de outra empresa ligada à tecnologia computacional, a NeXT. Um ano depois, comprou a Pixar, que viria a tornar-se mais tarde, após ser adquirida pela Disney em 2006 por sete mil milhões de doláres, a maior empresa de produção de filmes 3D com êxitos como ‘Toy Story’, ’Wall-E’ ou ‘Cars’.

Após a venda da Pixar, Steve Jobs volta à Apple nesse mesmo ano e sob o seu comando, a empresa inicia a sua ‘era dourada’. Sucessos de vendas e popularidade como o iMac, o iPod, o iPhone ou o iPad tiveram o ‘dedo’ de Steve Jobs.

24 de agosto de 2011 foi a data marcada pela saída de Jobs do ativo. O gestor lutava contra um cancro no pâncreas e passou a pasta da empresa a Tim Cook. Na passada segunda feira, pela primeira vez, o mundo assistiu ao lançamento de mais um produto da empresa da maçã sem a presença de Jobs. Coincidência ou não, para muitos, o lançamento do Iphone 4GS foi considerado um fiasco.

Além de ter sido o principal responsável pelo sucesso da Apple, Steve Jobs foi muito mais que isso. Colocou-nos sempre mais próximos do futuro e com isso fez-nos automaticamente crescer. Por tudo o que fez, o mundo está hoje mais evoluído. A partir desta quarta feira está também mais pobre.

Mais partilhadas da semana

Subir