Motores

SMP Racing e os testes em Portimão

No final de dezembro a SMP Racing esteve no Autódromo Internacional do Algarve a preparar o seu ‘ataque’ à supertemporada do Campeonato do Mundo de Resistência (WEC), que depois da saída da Porsche ‘abriu as portas’ à entrada de equipas privadas na categoria LMP1, onde a Toyota será agora a única formação a usar um protótipo híbrido.

A Portimão a equipa russa fez deslocar o BR1 com que irá enfrentar o WEC 2018/2019, com o suporte técnico da francesa ART Grand Prix.

O ex-piloto de Fórmula 1 Vitaly Petrov foi um dos pilotos a guiar o LMP1 da equipa russa – animado por um motor AER – na pista algarvia, juntamente com Sergey Sirotkin, Matevos Isaakyan e Egor Orudzhev, e falou um pouco destes ensaios em Portugal: “O objetivo principal consistiu em percorrer o máximo de quilómetros possível ao ‘ataque’, identificar fraquezas potenciais e verificar o funcionamento de todos os sistemas”.


Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir