Motores

Ricardo Porém vence em Idanha-a-Nova

Ricardo Porém confirmou o seu favoritismo na Baja TT de Idanha-a-Nova, vencendo a prova disputada este fim de semana, reforçando a sua liderança no Campeonato Nacional de Todo-o-terreno. Isto depois de João Ramos, o seu grande adversário, ter abandonado quando liderava, devido a problemas mecânicos na sua Toyota Hilux.

Com a desistência do piloto de Gaia, Porém ficou na liderança do evento organizado pela Escuderia de Castelo Branco, apesar de ter tudo um furo.

A partir do momento em que João Ramos desistiu, como já tinha acontecido com Alejandro Martins, foi Paulo Rui Ferreira (Toyota Hilux) quem passou a ser o perseguidor de Ricardo Porém, terminando na segunda posição, ainda que a mais de 10 minutos do vencedor e com menos de meio minuto de diferença para Alexandre Franco, terceiro no final.

“Esta manhã não começámos da melhor forma. Tivemos um furo e acabámos por perder bastante tempo. Mas, da parte da tarde arrancámos decididos a atacar e conseguimos impor um bom ritmo desde o início. Assim, começámos por recuperar parte da desvantagem que tínhamos para logo depois passarmos para a liderança da corrida”, referiu Ricardo Porém no final.

“A partir daí o objetivo foi gerir a diferença para o segundo classificado. Para nós esta vitória é muito importante porque faz toda a diferença para as contas finais do campeonato”, acrescentou o piloto da South Racing.

De referir que Rui Sousa (Isuzu D-Max) garantiu a vitória na categoria T2 , enquanto Hugo Raposo (Nissan Pathfinder) se impôs na categoria T8.

O Campeonato Nacional de Todo-o-terreno prossegue a 26 de outubro, com a realização da Baja Portalegre 500, a prova ‘rainha’ da temporada e a penúltima do ano.


Vídeos em Destaque

Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir
error: