Tecnologia

Prémio Nobel da Medicina: Imunidade dá galardão a Steinman, Hoffmann e Beutler

premio_nobelPrémio Nobel da Medicina entregue a Jules Hoffmann, Bruce Beutler e Ralph Steinman, revela a Academia Nobel do Instituto Karolinska. Pesquisa sobre sistema imunitário está na origem desta distinção. No entanto, o galardão não é dividido em parte iguais: Steinman terá direito a metade. Os Prémios Nobel 2011 comemoram 110 anos.

O canadiano Ralph Steinman, o norte-americano Bruce Beutler e o francês Jules Hoffmann viram distinguido, através do Prémio Nobel da Medicina, o seu trabalho numa pesquisa sobre a ativação da imunidade inata e adaptada.

Ralph Steinman (imunologista e biólogo), nasceu em Montreal (Canadá) há 68 anos. Exerce na Universidade Rockefeller, em Nova Iorque. Teve direito a metade do valor monetário atribuído pela academia.

Nascido no Luxemburgo, Jules Hoffmann, é diretor no Centro Nacional para a Investigação Científica de França. Já Bruce Beutler é norte-americano e conta 53 anos. Exerce na Califórnia, como docente e diretor do Departamento de Genética no Scripps Research Institute.

No entanto, apesar de partilhado, o valor não é distribuído em partes iguais. Ralph Steinman terá direito a metade do valor, sendo que Jules Hoffmann e Bruce Beutler dividem a outra metade.

Em 2011, os Prémios Nobel comemoram 110 anos de existência. A Academia Nobel do Instituto Karolinska revela amanhã o galardão para a área da Física. Na quarta-feira, será a vez de premiar a Química e na sexta-feira, a Paz. O Prémio Nobel da Economia é entregue na segunda-feira, dia 10 de outubro.

Mais partilhadas da semana

Subir