Local

Polémica leva restaurante Made in Correeiros a retirar nome da fachada

O restaurante mais famoso do momento nas redes sociais já não tem o nome à porta. A placa foi retirada, o que fez despertar a suspeita de que o Made in Correeiros prepara uma mudança de nome, na sequência da polémica sobre as eventuais práticas fraudulentas para cobrar preços abusivos.

Esta suspeita de uma mudança da designação já existe, aliás, desde o início da polémica: enquanto muitos internautas denunciavam os preços abusivos, uns poucos lembravam que o espaço era antes conhecido como Portugal no Prato e Raw Salmon.

Esta prática servirá para ‘limpar’ as críticas ao Made in Correeiros que se vão acumulando em portais e sites, como o Zomato e o TripAdvisor.

O restaurante tornou-se famoso por cobrar preços abusivos. Os preços constam efetivamente na ementa, pelo que em causa está o aliciamento que pode enganar os clientes.

Muitos referem que foram abordados com sugestões a preços acessíveis, mas já na mesa são ‘aconselhados’ a encomendar outros pratos, cujos preços estão ‘escondidos’ no fim de uma longa ementa.

Quem cai na artimanha e encomenda sem conferir os preços acaba por ter uma péssima surpresa na hora de pedir a conta, como acontece com a já famosa mista de marisco para dois a 250 euros.

Perante tanta polémica, até a ASAE reagiu, ilibando o Made in Correeiros: afinal, é da responsabilidade do cliente informar-se sobre o preço antes de pedir. Recorde essa notícia:

ASAE ‘culpa’ clientes que se queixam do restaurante viral pelos preços exagerados


Patrocinado

Apps PT Jornal

Descarregar na App StoreDescarregar do Google Play

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir
error: