Crónicas

Podia ser pior?

«Boa sorte é quando a oportunidade encontra a preparação, má sorte é quando a preparação encontra a realidade.»

Eliayahu Golddratt

A primeira Ministra Britânica poderá ter pensado que depois de ter convocado eleições antecipadas, que resultaram na perda da maioria, na coligação forçada com um partido da Irlanda do Norte que pior era difícil. Os últimos dias provaram publicamente, que podem ser piores a cada hora que passa.

Numa semana Theresa May foi forçada a remodelar o governo, dois ministros envolvidos em escândalos tiveram de ser afastados.

A coincidência de dois ministros envolvidos em situações menos politicamente corretas, terem sido denunciados publicamente na mesma altura levanta a questão é azar ou alguém estará alguém a alimentar a fragilidade de Theresa May enquanto primeira ministra.

Os conservadores, partido da primeira ministra começa a mostrar sinais de inquietação, temem que a imagem do partido perca a credibilidade junto do eleitorado e fiquem afastados do poder durante anos.

Imagine-se um jovem membro do partido conservador com ambições, a perceber que as coisas estão a evoluir para um desastre que irá limitar as suas ambições.E a perguntar-se se fazer Theresa May perder o lugar não é a única hipótese para salvar o partido conservador e as suas ambições políticas.

Paira no ar em Westminster a sombra do Brexit, que atá ao momento não apresenta avanços que acalmem os receios de que a negociação não esteja completa no prazo e as consequências que isso terá.

Theresa May pode ter a certeza de que mais um episódio negativo e a a sua liderança vai por água abaixo!


Vídeos em Destaque

Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir