Mundo

Pedaço do Coliseu de Roma cai por culpa de uma pomba

coliseu-de-romaUma pomba distraída voou contra o Coliseu de Roma, em Itália, e provocou a queda de mais um pedaço daquele histórico monumento. Os turistas testemunharam o pequeno desabamento, na passada segunda-feira. Esta pomba conseguiu fazer regressar a discussão sobre a urgência dos trabalhos de restauro de um monumento considerado Património da Humanidade pela Unesco.

O Coliseu de Roma foi alvo de um ataque inesperado, com uma pomba a provocar a queda de mais uma parte do monumento construído entre os anos 72 e 80 depois de Cristo. A fachada exterior ficou privada de uma parte, que foi encontrada pelos turistas que assistiram ao incidente.

A zona ficou delimitada e interdita à circulação de pessoas, em virtude do perigo de queda de novas partes de história. Apesar de não se tratar de um incidente grave, tendo em vista a preservação daquele património, certo é que esta pomba veio trazer para a atualidade as preocupações já existentes, relativamente ao restauro do Coliseu, também conhecido por Anfiteatro Flaviano.

Segundo dados oficiais do Governo italiano, estima-se que haja mais de 3000 zonas afetadas pela deterioração, sendo que nenhuma delas coloca em causa a segurança dos monumento. Este episódio poderá acelerar o processo de restauro, que estava já agendado.

No próximo mês de março deverá arrancar a intervenção, que custará mais de 28 milhões de euros aos cofres italianos. O Coliseu de Roma demorou quase uma década a nascer e surgiu para homenagear a dinastia dos imperadores Flavia. É considerado Património da Humanidade pela Unesco desde 1980.

Incidentes entre aves e monumentos não são caso único no mundo… Há poucos dias, uma gaivota embateu contra a Torre dos Clérigos, no Porto, avariando um dos relógios daquele símbolo da Invicta.

Mais partilhadas da semana

Subir