Insólito

Norte-americana suspeita de matar rapaz com uma injeção de silicone… no pénis

kasia_riviera_1Justin Street tinha 22 anos e faleceu um dia depois, devido a uma embolia.

Chama-se Kasia Rivera e está a ser acusada da morte de Justin Street, um jovem de 22 anos. A norte-americana de 34 anos, residente em New Jersey, tinha uma pequena clínica em casa, onde ao que consta, dava consultas de estética.

A mulher é acusada de ter injetado silicone no pénis de Justin. O objetivo de tal ato parece óbvio, mas a substância foi criada para ser aplicada noutras partes do corpo, não no órgão sexual masculino.

Justin Street morreu um dia depois devido a uma embolia. Além de homicídio, Kasia é também acusada de prática ilegal de medicina.

Mais partilhadas da semana

Subir