Clube dos Pensadores

Uma noite de democracia, a pedir mudança

Uma noite com muita gente, mesmo em campanha eleitoral, em que decidi apresentar o meu livro DEMOCRACIA mudança. O Clube dos Pensadores tem a sua agenda própria.

Dei o mote como iria decorrer a sessão, e mais do que apresentar o livro, foi um momento de homenagear Paula Teixeira da Cruz, a melhor ministra do Governo de Pedro Passos Coelho, que lutou por uma justiça eficaz e célere.

Por outro lado, convidar Paula Teixeira da Cruz demonstrou que continuo a ter excelentes relações com um PSD que nada tem que ver com uma parte do PSD de Matosinhos e alguns senhores do PSD Porto.

Há um PSD aberto, englobador, que aceita independentes e formas de pensar diferentes, desde que importantes e reconhecidas para a sociedade.

Paula Teixeira da Cruz fez uma resenha do meu livro, salientando a verticalidade do autor, bem como a integridade e capacidade de reflexão sobre a nossa democracia.

Alerta-nos para que a nossa sociedade não fique anestesiada. Muitas coisas estão a matar a democracia: actos eleitorais; populismo; aparelhismo partidário; dificuldade de candidaturas independentes; entre outros.

Ser livre é um risco: independente dos partidos e independente na sociedade.

Paula Teixeira da Cruz destaca no livro a reflexão que faço sobre o deslumbramento na política e todas as suas consequências.

Quem for sério não enriquece com a política.

Paula Teixeira da Cruz acha que actualmente na sociedade, com este governo PS, existem alguns condicionamentos democráticos, salientando que não há donos da verdade.

Por fim, tendo em conta todos os processos mediáticos há uma politização do ressentimento.

Aproveitei a  presença da ex-ministra para lhe colocar algumas questões sobre justiça.

Sobre a greve dos juízes, se a verdadeira razão é um assunto remuneratório não está de acordo, de outro modo, deve-se ouvir os juízes.

O PS não se dá bem com a justiça e procura condicioná-la.

No final, houve uma sessão de autógrafos, em que estiveram presentes José António Barbosa, presidente demissionário da concelhia do PSD Matosinhos ( em virtude da não escolha de Joaquim Jorge para candidato à CM Matosinhos). Joaquim Massena, arquitecto que propôs vários projectos para a cidade do Porto aquando da candidatura de Luís Filipe Menezes.


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir