Europa

Mãe proibida de dar biberão à filha devido à filosofia do restaurante

Uma mãe foi proibida de dar biberão à filha de quatro meses, quando estavam a celebrar o aniversário de um amigo no restaurante vegan ‘El Vergel’, na cidade espanhola de Tarragona. O chefe de sala alertou para a proibição ao entregar uma nota escrita na mesa da mulher.

O jornal ‘El Mundo’ conta que a mãe escreveu uma crítica ao restaurante num site de viagens, onde confessou que se sentiu “humilhada e indefesa”. E a resposta do proprietário do restaurante e do chefe de sala foram quase instantâneas.

“As mães verdadeiramente humilhadas são aquelas violadas durante toda a sua vida para ter bebés que lhes são roubados e esquartejados, para que os humanos lhes roubem o leite que era para eles: estas mães são as vacas, as ovelhas e as cabras, vítimas do biberão do seu filho”, escreveram.

Os mesmos afirmaram que não se teriam importado se a mulher tivesse amamentado a bebé ao peito, uma vez que consideram que o conteúdo do biberão era alimento de origem animal, o que não vai de encontro com a filosofia do restaurante vegan. O responsável acrescentou ainda que constava de um aviso na porta e que é tão proibido dar biberão no restaurante como entrar com uma carteira de pele.

“Lamentavelmente, desde que estamos abertos, tivemos de presenciar a entrada de embalagens com produtos de origem animal, tanto de maneira direta como às escondidas, por parte de alguns pais, motivo pelo qual decidimos que não se consome nenhum tipo de comida vinda do exterior (…) Não discriminamos famílias com crianças, apesar de em muitas ocasiões os clientes se queixarem e nos pedirem que proibamos a entrada de crianças”, explicou o dono do estabelecimento.

Receba esta e outras notícias virais no seu e-mail todos os dias!


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir