Sociedade

Ladrões usam retroescavadora mas falham roubo a carrinha de valores na A2

retroescavadoraUm grupo de homens é suspeito de uma emboscada a uma carrinha de valores, com recurso a uma retroescavadora, na A2. O condutor do blindado, no entanto, conseguiu evitar o assalto e escapou sem ferimentos, apesar de a carrinha ter sido atingida pela máquina.

A tentativa frustrada de assalto ocorreu na zona de São Bartolomeu de Messines, onde ocorrem trabalhos na A2, que reduzem o número de faixas de rodagem de três para duas. Aproveitando esse constrangimento, os assaltantes colocaram um camião cisterna atravessado na autoestrada e impediram a circulação.

Já com recurso à retroescavadora, tentaram atingir a carrinha de valores, o que conseguiram, danificando o veículo, mas sem consumarem o assalto, uma vez que o condutor do blindado fez marcha-atrás, conseguiu escapar e pedir socorro.

Ainda circulou alguns quilómetros em contramão, na autoestrada, até conseguir pedir ajuda à Guarda Nacional Republicana, que, no entanto, não conseguiu chegar a tempo de deter o grupo de meliantes. Foram vistos alguns vultos junto ao local, o que levou a GNR a disparar tiros para o ar, mas os assaltantes conseguiram escapar.

A tentativa de assalto, que ocorreu ontem à noite, terá sido levada a cabo por um grupo de homens, sendo que as autoridades apontam pelo menos dois suspeitos. Dada a complexidade do roubo e a necessidade de manobrar máquinas pesadas, presume-se que possa haver mais assaltantes, além dos presumíveis dois.

Quer a retroescavadora, quer o camião cisterna utilizados nesta emboscada encontravam-se naquela zona da A2 e estavam a ser utilizados nos trabalhos de melhoramento da autoestrada. Um veículo ligeiro roubado também foi usado nesta tentativa de furto frustrada.

Mais partilhadas da semana

Subir