Motores

Kristofferson ‘herda’ triunfo após desqualificação de Ekstrom em Barcelona

O Campeonato do Mundo de Ralicross (World RX) de 2018 iniciou-se com uma prova muito animada em Barcelona, onde Mattias Ekstrom ‘bateu o pé’ aos Volkswagen Polo RX… mas terminou desqualificado.

Na origem da desqualificação a manobra que o sueco da EKS Audi fez na primeira curva da final. Ekstrom admitiu a sua culpa diante dos comissários desportivos, por ter empurrado o Volkswagen de Petter Solberg.

Da punição a Mattias Ekstrom beneficou Johan Kristofferson, o outro piloto dos Polo RX da PSRX, que tinha sido o segundo a cruzar a meta e foi declarado o vencedor, com Sebastien Loeb a ser também beneficiado, sendo declarado segundo depois de ter sido terceiro sobre a meta. A terceira posição foi atribuída a Andreas Bakkerud, aos comandos do segundo Audi S1 RX da EKS.

Antes de conhecer a sua sorte Ekstrom tinha dominado a prova, apesar da oposição de Kristofferson e Loeb, que fora ‘repescado’ para a final depois do seu companheiro de equipa Kevin Hansen ter cedido o seu lugar ao francês, eliminado nas ‘mangas’ de qualificação.

Mais partilhadas da semana

Subir