Mundo

Jornalista faz reportagem polémica e acaba sequestrado

Um jornalista venezuelano esteve sequestrado cerca de 72 horas, na sequência de uma reportagem polémica que realizou. Jesús Medina, do portal Dólar Today, já foi encontrado e queixa-se que foi torturado.

“Torturaram-me e ameaçaram matar-me. Voltei para continuar a informar a verdade e para lutar mais pelo meu país, na Venezuela”, disse, em declarações citadas pela agência Lusa.

O Ministério Público venezuelano diz que o jornalista foi encontrado pela Guarda Nacional Bolivariana (polícia militar), enquanto caminhava pela autoestrada Caracas – La Guaira (norte).

“Ele disse aos funcionários militares que tinha sido raptado em Boleíta”, diz o Ministério Público.

Na reportagem sobre a prisão de Tocorón, Jesús Medina denunciou o cultivo de marijuana e descreveu o “luxo” como os presos viviam.

Mais partilhadas da semana

Subir