Benfica

JN responde ao Benfica: “Fazemos jornalismo sério. Doa a quem doer”

O Jornal de Notícias reage às críticas do Benfica, clube que classificou a notícia sobre as suspeitas de fraude como “calúnia grave”. O diário reitera a informação publicada na edição de hoje e garante que continuará a fazer “ jornalismo sério, rigoroso e independente, doa a quem doer”.

Uma nota da direção do Jornal de Notícias repudia a forma como o Benfica reagiu à manchete do diário, nesta quarta-feira, que dá conta de buscas da PJ num caso de alegada fraude fiscal.

O jornal “não se revê nas acusações proferidas nesta quarta-feira pelo Sport Lisboa e Benfica”, refere a nota.

“Todos os factos relatados são verdadeiros e foram confirmados ao JN, na terça-feira, antes da publicação da notícia na edição impressa, pela Procuradoria-Geral da República”, garante o jornal.

A direção assegura ainda que não viola a lei ou o segredo de justiça:

“Procuramos a verdade, contactamos fontes, relatamos os factos e confrontamos os visados. Fazemos, e continuaremos a fazer, jornalismo sério, rigoroso e independente. Doa a quem doer”.

O Jornal de Notícias escreve na sua edição de hoje que a investigação procura “esclarecer se os montantes faturados por várias empresas ao Benfica tinham na sua base efetivas prestações de serviços ou se foram apenas uma forma de justificar a saída de alguns milhões de euros das contas dos ‘encarnados’”.

Mais partilhadas da semana

Subir