Motores

Grande estreia de Miguel Correia na Montanha

Envolvido nos ralis, Miguel Correia resolveu desafiar a montanha e disputar a icónica Rampa da Falperra, e a estreia correu bem. Foi segundo no Grupo A do Europeu FIA, venceu o Grupo A 1, a classe 7 e foi segundo na Divisão 1 dos Turismo nacionais.

Dificilmente esta estreia poderia correr melhor, numa prova que foi tudo menos fácil, dadas as instáveis condições climatéricas que se fizeram sentir no evento bracarense. O piloto do Renault Clio R3 adaptou-se rapidamente ao terreno e evoluir os seus tempos ao longo das três subidas da prova.

Fotos: Zoom Motorsport

No final Miguel Correia não escondia a sua satisfação, tanto pela exibição como pelo resultado, numa prova que sempre se habituou a presenciar, já que o seu pai foi Bicampeão Nacional de montanha: “Habituei-me a ir ver as provas do meu pai mas nunca pensei que um dia conseguiria este tipo de resultados logo na estreia na Falperra”.

“Senti-me muito bem com o carro no asfalto e fui melhorando os tempos, embora ache que ainda teria sido possível baixar dos 2m31s. Tenho que ser humilde e reconhecer que ainda tenho muito para aprender nas rampas mas, só pela rodagem com o carro no asfalto, acabou por ser uma experiência importante para mim”, conta o piloto que atualmente disputa o Campeonato de Portugal e Ralis.

Tenho aqui que destacar a emoção de correr perante o público da Falperra, que parece ser cada vez mais entusiasta e numeroso a cada ano que passa. Até para os nossos patrocinadores foi um fim de semana de grande exposição e tenho de agradecer o apoio de todos eles, em especial da Socicorreia. Agora vamos começar a pensar no Rali Vidreiro”, acrescenta Miguel Correia.

Mais partilhadas da semana

Subir