Divertido

Google deseja Boas Festas com um doodle

Boas festas! São os votos da Google, com mais um doodle divertido, desta vez dedicado à quadra natalícia.

A mensagem de boas festas da Google faz-se sem palavras, mas com letras que cantam e toca ao ritmo da quadra. É mais um presente do motor de busca para os cibernautas, num doodle que se transformou em tradição.

No maior motor de busca do mundo, diariamente surgem novos ‘doodles’, que não são mais do que esboços, desenhos, caricaturas ou aplicações interativas que, através da imagem, recordam factos ou pessoas. Hoje, desejam-se Boas Festas!.

Mas a expressão ‘doodle’ não foi criada pela Google (apesar da semelhança do vocábulo, em termos de grafia e fonética). Doodles são desenhos ou esboços, feitos quando uma pessoa pretende distrair-se, ou ocupar algum tempo livre.

Normalmente, encontram-se em cadernos escolares e são de autoria de alunos pouco interessados na aula. Podem ser caricaturas de professores, de alunos, de famosos ou até personagens de banda desenhada. Podem ser formas geométricas ou animações.

Etimologicamente, a palavra ‘doodle’ tem duas origens: americana e britânica. Os americanos utilizam-na desde o século XVII, para chamar “tolo” ou “simplório”, como variante da palavra alemã “Dödel”.

Veja o doodle de Boas Festas em 2016.

Já a origem inglesa reporta-se à Guerra Revolucionária Americana, quando as tropas coloniais britânicas cantavam “Yankee Doodle”. Aqui, ‘doodle’ tinha uma significado pejorativo e significa “fazer de tolo”.

Mais tarde, a partir de 1930, a expressão alterou o sentido e passou a estar relacionada com “ócio”, o que vem de encontro aos criativos desenhos durante uma aula, ou mesmo ao modo original que a Google encontrou para assinalar datas e homenagear pessoas.


Patrocinado

Apps PT Jornal

Descarregar na App StoreDescarregar do Google Play

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir
error: