Sociedade

GNR de Leiria apreende 441 quilos de cobre roubado à EDP e à PT

cobreGuarda Nacional Republicana (GNR) de Leiria apreendeu 441 quilos de cobre, encontrados numa sucata da Marinha Grande. O material foi roubado de linhas da EDP e a PT. A investigação das autoridades durava há 11 meses, segundo um comunicado, e culminou com a detenção de 19 suspeitos.

Segundo a GNR de Leiria, num comunicado divulgado pela agência Lusa, foram apreendidos 441 quilos de cobre na Marinha Grande, nesta segunda-feira, fruto de uma operação que começou em 2010 e que tinha como finalidade pôr termo a um negócio ilegal, que vai florescendo, em virtude da valorização das matérias-primas.

O cobre foi roubado de linhas da PT e da EDP, num crime que a GNR leiriense vinha investigando há muito tempo. Estava depositado num ferro-velho da Marinha Grande e destinava-se à venda.

Além do cobre, as autoridades encontraram ainda 80 quilogramas de alumínio, estátuas em bronze e material utilizado para o corte daqueles metais, bem como um veículo de transporte de mercadorias.

As buscas foram efetuadas na manhã de hoje. Foram detidos 19 suspeitos de participação neste negócio. A GNR de Leiria considera que desmantelou uma rede que se dedicava a este negócio de roubo.

Os detidos são “todos do sexo masculino”, segundo refere o comunicado divulgado pela Lusa, e “têm idades compreendidas entre os 22 e os 42 anos”. São residentes em diversos concelhos do distrito da cidade do Lis.

A maioria dos detidos tem antecedentes criminais. Também os proprietários da sucata apresentam registos na folha criminal.

Mais partilhadas da semana

Subir