Motores

Filipe Madureira confirmado no Rali de Santo Tirso

Um dos pilotos a responder ao repto da Art of Speed para participar no Challenge 1000 foi Filipe Madureira, com o piloto de Gondomar a confirmar agora a sua participação naquela competição aos comandos de um Peugeot 107.

Com o aliciante de poder competir a baixo preço, o Challeng 1000 mostrou-se um troféu demasiado ‘apetecível’ para que Filipe Madureira resistisse ao convite endereçado por Frederico Luís, ‘rosto’ da Art of Speed, fazendo agora a sua estreia no Rali de Santo Tirso, que se disputa a 5 e 6 de Maio.

Na prova do CAST o piloto de Gondomar volta a ter a seu lado Emanuiel Gonçalves, iniciando um projeto que nasceu há poucos meses: “Tudo começou no decorrer da Gala dos Campeões de 2017. O Peugeot 107 do Challenge encontrava-se exposto no exterior do Centro Cultural e de Congressos de Aveiro e aguçou de imediato a curiosidade. Na troca se opiniões com o Frederico Luís, transmiti-lhe que a ideia de avançar com um conjunto de provas “low cost” era interessante e muito divertido”.

“Bastaram minutos para perceber que estávamos perante um projecto interessantíssimo e uma viatura assente na confiança, denotando um arco de segurança (“roll-bar”) e baquet bastante sólido, ou seja, houve um cuidado especial no que concerne aos padrões da seguridade”, explica Filipe Madureira.

“Estou totalmente convicto que o Challenge 1000 é a fórmula mais adequada para os jovens poderem abriu o caminho para as suas carreiras desportivas no contexto dos ralis. Naturalmente que estou agradecido pelo convite para alinhar no Rali de Santo Tirso, uma prova que gostamos bastante mas, mais importante que isso, é tentar ajudar a promover o Challenge 1000”, rematao piloto gondomarense.

Refira-se que o Challenge 1000 é composto por sete provas, todas em pisos de asfalto, a primeira das quais em Santo Tirso, organizada pelo Clube Automóvel local, a 5 e 6 de Maio.

Ver mais

Mais partilhadas da semana

Subir