Desporto

FC Porto embarca para a Ucrânia sob escolta policial e sem Mangala

vitor_pereira_fcporto_1A equipa do FC Porto viajou para a Ucrânia, onde na quarta-feira defronta o Shakhtar Donetsk, na decisiva ronda do grupo G Liga dos Campeões, que poderá determinar o futuro da equipa portuguesa na prova. A comitiva precisou de escolta policial, para prevenir efeitos da fúria dos adeptos. O defesa-central Mangala está lesionado e é baixa, mas nem tudo são más notícias: Fucile recuperou e faz parte da convocatória.

Na quarta-feira, a partir das 19h45, joga-se o futuro do FC Porto na Liga dos Campeões, na cidade de Donetsk, frente ao clube local, o Shakhtar, que pode atirar o campeão português para fora da Champions. Nesta quinta ronda do Grupo G, a equipa de Vítor Pereira está obrigada a vencer, sob pena de perder o comboio dos milhões.

A comitiva partiu hoje para a Ucrânia e necessitou de escolta policial até à porta de embarque, no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto. A missão das autoridades – impedir desacatos decorrentes de eventuais insultos de adeptos para o treinador e jogadores – foi cumprida. Não se registou qualquer incidente, num momento quente da atualidade dos azuis e brancos.

O FC Porto joga na Ucrânia com o peso da responsabilidade de vencer, sob críticas dos adeptos, devido à eliminação da Taça de Portugal (derrota por 3-0 diante da Académica) e com grande dificuldade do treinador em fazer a máquina funcionar. Há três partidas que os dragões não vencem, o que colocou o treinador na corda bamba.

Com quatro pontos em igual número de partidas, o FC Porto encontra-se entre o céu e o inferno. Caso vença diante dos ucranianos, aproxima-se da qualificação para os oitavos de final e garante desde logo presença, pelo menos, na Liga Europa. Em caso de derrota, cai no último lugar do grupo e fica obrigado a ganhar ao Zenit, na derradeira ronda, para acalentar esperança de participar nesta prova.

Impacientes, os adeptos já expressaram a sua revolta com o momento da equipa e é crível que o futuro de Vítor Pereira esteja em jogo no relvado de Donetsk. O treinador do FC Porto dificilmente resistirá a mais um desaire.

Vítor Pereira não poderá contar com Mangala, que se encontra lesionado. Walter também sai da convocatória, porque não foi inscrito na Liga dos Campeões. As entradas dos uruguaios Cristian Rodríguez e Fucile completam as alterações na lista de convocados, relativamente à partida com a Académica. O jogo tem transmissão em direto na Sporttv.

Mais partilhadas da semana

Subir