Desporto

FC Porto bate Benfica e ganha vantagem nas meias-finais do ‘play-off’ de basquetebol

O FC Porto iniciou da melhor forma a campanha nas meias-finais do ‘play-off’ da Liga de basquetebol, ao ir à Luz bater o rival Benfica por 90-79, colocando-se em vantagem na eliminatória.

O jogo começou com triplos de Tomás Barroso e Marcus Gilbert, a prometerem um jogo aberto e um bom espetáculo.

Mais serenos e pacientes no ataque, os ‘dragões’ venceram o primeiro período, que terminaram com ligeira supremacia (22-19), igualmente expressa nos ressaltos conquistados.

A superioridade portista prolongou-se durante o segundo período, obrigando José Ricardo Rodrigues a requisitar um desconto de tempo aos 14 minutos e numa altura em que os ‘encarnados’ perdiam por 39-24.

Uma pequena pausa benfiquista que não resultou numa melhoria de produção. Os ataques mantiveram-se complicados e precipitados, com os ‘dragões’ a retirarem vantagem dessa situação.

Daí a superioridade verificada ao intervalo, atestada por 18 pontos de avanço no marcador (54-36). Um domínio com grande expressão na luta das tabelas, pois os ‘dragões’ conquistaram mais 15 ressaltos (26-11) do que as ‘águias’ nos primeiros 20 minutos.

Bem comandado pelo base norte-americano Damier Pitts, o Benfica foi em busca da recuperação. Um triplo de Pitts, aos cinco minutos do terceiro período, ‘incendiou’ a Luz e colocou o resultado em 59-50 para os portistas.

Os ‘encarnados’ prosseguiram a recuperação, mas atingiram o final do terceiro período ainda em desvantagem no marcador (71-62).

No entanto, o FC Porto conseguiu manter a intensidade e agressividade defensiva até ao fim, apesar da combatividade revelada pelos atletas benfiquistas, que ainda reduziram a diferença no marcador para somente três pontos (76-73), a quatro minutos do fim.

O poste sérvio Sasa Borovnjak (22 pontos e quatro ressaltos) e o extremo norte-americano Will Sheehey (20 pontos, sete ressaltos e cinco assistências) foram os elementos mais determinantes no sucesso da equipa da Invicta.

Um triunfo que colocou os ‘dragões’ em vantagem na eliminatória, que prossegue no domingo, na Luz, com a realização do segundo duelo das meias-finais deste empolgante ‘play-off’ disputado à melhor de cinco duelos.

Jogo realizado no Pavilhão Fidelidade, em Lisboa.

Benfica – FC Porto: 79-90.

Ao intervalo: 36-54.

Sob arbitragem de Sérgio Silva, Pedro Coelho e Pedro Rodrigues, as equipas alinharam e marcaram:

– Benfica (79): Damier Pitts (18), Tomás Barroso (18), João Soares (4), Miroslav Todic (3) e Raven Barber (18). Jogaram ainda: Nuno Oliveira (6), Carlos Morais (2), José Silva (3) e Carlos Andrade (7).

Treinador: José Ricardo Rodrigues.

– FC Porto (90): Pedro Bastos (2), Marcus Gilbert (6), Will Sheehey (20), Will Hanley (10) e Sasa Borovnjak (22). Jogaram ainda: André Bessa (8), Pedro Pinto (8), Miguel Queiroz (4), António Monteiro (3), Miguel Miranda (5) e Ferran Ventura (2) .

Treinador: Moncho López.

Marcha do marcador: 19-22 (10 minutos), 36-54 (20), 62-71 (30) e 79-90 (final do jogo).

Assistência: cerca de 1.700 espetadores.

Mais partilhadas da semana

Subir