Nas Notícias

Depressão Gisele deixa Portugal em alerta

A depressão Gisele chegou a Portugal, trazendo muita chuva, vento forte, queda de neve e ondulação forte. A Proteção Civil emitiu um alerta e deixou várias recomendações.

É muita chuva, propícia para a formação de lençóis de água, em especial nos meios urbanos.

Nas terras altas, a queda de neve deverá levar a uma acumulação do ‘manto branco’ nas estradas e à formação de gelo no piso.

Face a estas previsões, a Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC) recomenda aos automobilistas que reduzam a velocidade e assumam uma condução defensiva.

No mesmo alerta, a ANPC recomenda especial atenção para os riscos de queda de ramos ou árvores e obstrução das estradas devido a deslizamentos ou desabamentos de terras.

Quem circular nas terras altas, a partir dos mil metros de altitude nas regiões norte e centro, deve usar as correntes de neve nos pneus dos veículos.

Para evitar o perigo de arrastamento, deve-se evitar a circulação (pedonal ou rodoviária) junto a zonas inundadas.

Estruturas suspensas, como andaimes e placards, devem ser fixadas da forma mais segura possível.

São ainda de evitar as atividades relacionadas com o mar, como pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, tal como o estacionamento de veículos próximos da orla marítima.

Mais partilhadas da semana

Subir