Economia

Costa revela que défice ficou “perto de 1,1 por cento” em 2017

O primeiro-ministro, António Costa, revelou que o défice, no ano passado, “ficou perto de 1,1 por cento”. De acordo com o jornal Eco, o líder do executivo deu a novidade nesta quarta-feira, em Estrasburgo, durante uma sessão plenária.

O défice português quedou-se pelos “1,1 por cento”, em 2017, garante António Costa, antecipando números que serão divulgados oficialmente pelo Instituto Nacional de Estatística no dia 26 de março.

Durante uma sessão plenária em Estrasburgo, o primeiro-ministro defendeu a política do Governo português. “Tem permitido ter bons resultados na consolidação das finanças públicas”, revelou, citado pelo Eco.

António Costa insistiu que o executivo “virou a página da austeridade”, avançou para a redução da dívida pública e que, no ano passado, “o défice ficou perto de 1,1 por cento”.

“Ao mesmo tempo que tivemos o maior crescimento desde o início do século e uma taxa de desemprego que tem vindo a cair”, afirmou ainda o líder do executivo.

Mais partilhadas da semana

Subir