Desporto

Classe holandesa de Wolfswinkel e Schaars eleva Sporting na Taça

sportingNo último clássico da Taça de Portugal, o Sporting bateu o Belenenses, em Alvalade, com golos dos holandeses Wolfswinkel e Schaars, que transportaram o leão para os quartos de final da prova. Foi a quarta vez que a dupla construiu, sozinha, um triunfo do leão.

O Sporting eliminou ontem o Belenenses da Taça de Portugal, com uma exibição ofuscada na primeira parte, mas pintada com arte holandesa na segunda. Wolfswinkel e Schaars estiveram em evidência no onze de Domingos Paciência, ao construírem os golos do leão. E que golos…

Wolfswinkel voltou a evidenciar a frieza de um matador, correspondendo da melhor forma a uma desmarcação, do lado direito, logo no início da segunda parte. O leão entrou com frieza, vontade de vencer e, sobretudo, sem planos para passar por calafrios, num jogo a eliminar.

O Belenenses criou oportunidades para marcar, no primeiro tempo, mas caiu perante a arte e a eficácia holandesa. Aos 66 minutos, numa bela troca de bola entre os dois holandeses, Schaars eleva a contagem e ‘mata’ o conjunto de Belém, com uma estocada de classe.

Ao instinto de matador, Wolfswinkel adiciona a qualidade do passe e desmarca o seu compatriota. Schaars surge na área e, à qualidade do passe, adiciona o instinto de matador. Uma dupla que se completa, a construir o 2-0.

Refira-se que Wolfswinkel já apontou 13 golos nos 18 jogos em que participou, números bem interessantes para o avançado. O Sporting segue em frente na prova e vai receber o Marítimo, na próxima eliminatória.

Veja aqui o vídeo do resumo da partida.

Mais partilhadas da semana

Subir