Nacional

Carla Andrino rejuvenescida e “muito bem” após o cancro

Carla Andrino mostrou-se “muito bem” e confessou sentir-se rejuvenescida após ultrapassar o cancro da mama, diagnosticado há um ano. “O que interessa é ter sempre pensamento positivo”, admite.

Aos 51 anos, Carla Andrino diz estar a 100 por cento após o susto vivido há um ano, quando lhe foi diagnosticado um cancro na mama.

À assistir à apresentação do programa ‘Câmara Exclusiva’, que conta com a filha, Marta Andrino, a atriz mostrou-se bem disposta e confessou a volta que a sua vida sofreu com o drama do cancro.

“Agora estou a usufruir de tudo o que aprendi na vida”, admitiu.

Mário Rui, o marido da atriz, reconhece que o “foi um susto saber [o diagnóstico]. Mas depois começamos a falar e eu mostrei-lhe toda a minha disponibilidade para ultrapassarmos isto os dois”.

“Ele foi o meu grande apoio. Nada de resto que eu não estivesse à espera”, confessa.

Apesar da recuperação e do problema estar ultrapassado, Carla Andrino reconhece que o cancro “não tem cura”.

“É uma doença crónica. O que acontece é que este episódio está ultrapassado e espero que não se repita”, assumiu a atriz.

O drama nunca a impediu que de continuar a trabalhar, “sempre… com as minhas consultas”, mas Carla sublinha que o “que interessa é ter sempre pensamento positivo”.

Com a situação resolvida, a atriz mostra-se agora “muito bem”, e com vontade de viver “mais uns 50 anos”, especialmente agora que se prepara para ser avô pela terceira vez.

Mais partilhadas da semana

Subir