Nas Notícias

Bruno de Carvalho mantém-se como presidente do Sporting

Os sócios presentes na Assembleia Geral do Sporting, neste sábado, aprovaram a alteração dos estatutos e o regulamento disciplinar e reprovaram a saída imediata dos órgãos sociais. Bruno de Carvalho continua assim na presidência do clube.

Bruno de Carvalho sai com o estatuto reforçado desta Assembleia-Geral do clube, tendo visto os seus pontos aprovados unanimemente.

A alteração de estatutos foi aprovado com 87,3 por cento dos votos; 87,8 por cento para o regulamento disciplinar; e, por fim, 89,55 por cento para a continuidade dos órgãos sociais.

“”Hoje foi a prova que estamos com um Sporting pujante, vivo, queremos um Sporting diferente, não há volta atrás”.

“Que fique claro que a partir de hoje não há grupos e grupinhos. Que fiquem desenganados os nossos rivais, podem pôr todos os emails que têm a ver com o Sporting, nunca sermos a vergonha que eles são, nunca!”, inflamou Bruno de Carvalho, no início do discurso de ‘vitória’.

O dirigente leonino mostrou-se sensível ao pedido de mudança por parte de alguns sócios, admitindo que “irá fazer alterações e expor-se menos”, desde que os sportinguistas cumpram três pontos que, na sua opinião, são fundamentais.

Nessas condições, Bruno de Carvalho apela a um boicote à comunicação social, pedindo que os sócios deixem de comprar jornais desportivos, de ver televisão portuguesa, e que todos os comentadores afetos ao clube abandonem as suas posições.

“Não vejam nenhum canal português de TV. A comunicação social vai olhar-nos de outra forma, vão ter 3,5 milhões de pessoas que não lhes vão ligar”, referiu.

“Não tenham dúvida que, assim como nas eleições soubemos interpretar os resultados, hoje soubemos interpretar. Foi-nos acrescida mais responsabilidade, a vossa confiança vai ser retribuída com paixão, dedicação e glória porque vocês merecem”, terminou.

Mais partilhadas da semana

Subir