Desporto

Benfica-Sporting: Adeptos condenados com penas suspensas e trabalho comunitário

estadio_luz_1Três adeptos detidos no derby Benfica-Sporting do passado mês de novembro já foram condenados. Dois com dois anos e meio com pena suspensa e um com trabalho comunitário.

Os três adeptos detidos no Estádio da Luz a 26 de novembro, dia do jogo Benfica-Sporting, já conheceram esta semana as suas penas. Diolávio Nogueiro, de 23 anos, apanhado com um petardo, foi condenado a dois anos de prisão com pena suspensa.

Já José Silva, com 35 anos, foi condenado a dois anos e seis meses de prisão, também com pena suspensa.

Ambos ficam ainda proibidos de entrarem em recintos desportivos por um período de um ano e meio e têm de marcar presença no posto da polícia sempre que as suas equipas joguem (Sporting e Benfica respetivamente).

Já hoje, Ivo Costa, de apenas 18 anos, foi condenado a seis meses de prisão mas a pena vai ser substituída por 180 horas de trabalho comunitário. O jovem foi detido pelas autoridades quando tentava entrar no Estádio da Luz com um petardo escondido na sapatilha.

O Benfica-Sporting da jornada 11 da Liga Portuguesa, que terminou com a vitória dos encarnados por 1-0, ficou ainda marcado pelo incêndio causado pelos adeptos do Sporting numa das bancadas do Estádio da Luz. A polícia judiciária encontra-se ainda a investigar o caso.

Mais partilhadas da semana

Subir