Benfica

Antigo jogador do Benfica condenado a três anos e meio de prisão

Fabrizio Miccoli, que representou o Benfica entre 2005 e 2007, foi condenado a três anos e meio de prisão sob a acusação de extorsão agravada, entre 2010 e 2011, quando representava o Palermo, de Itália.

Segundo a acusação, o antigo avançado terá pedido a um amigo a recuperação de uma verba que estava em posse dos proprietários de uma discoteca. Esse colega, Mauro Laurecilla, é filho de um dos chefes da máfia do distrito de Kalsa e terá utilizado métodos violentos para recuperar o valor.

Miccoli, de 38 anos, é acusado a três ano e meio de prisão. O ex-avançado do Benfica terminou a carreira de futebolista em 2016.

 

Receba esta e outras notícias virais no seu e-mail todos os dias!


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir
error: